Como vender por Whatsapp? Confira nossas 4 dicas!

6 minutos para ler

Diante do cenário atual, empresas de todos os tamanhos e setores precisam se reinventar a cada dia para aumentar seu faturamento. Pensar em novas soluções e novas ferramente tecnológicas que podem beneficiar seu estabelecimento é preciso para que você possa continuar funcionando.

Por isso, é importante entender como vender por WhatsApp. Afinal, o aplicativo de mensagens instantâneas é utilizado por muitos consumidores e, cada vez mais, reafirma-se como mais um excelente canal de vendas no mercado food service.

Um dos principais benefícios desse aplicativo é o fato de ser gratuito, sendo necessária apenas uma conexão com a internet. A verdade é que quase ninguém mais tem tempo ou quer atender ligações toda hora. Em contrapartida, responder uma mensagem de WhatsApp por meio do celular é algo fácil, rápido e muito mais conveniente para todos.

Por isso, neste post, daremos as 4 principais dicas de como utilizar o WhatsApp para manter o contato com os clientes e fazer entregas de lanches na hora em que eles solicitarem, abrindo mais uma oportunidade de vendas para o seu negócio. Continue a leitura e confira!

1. Opte pelo WhatsApp Business

Essa versão do WhatsApp é voltada para as empresas, principalmente para aqueles negócios de menor porte ou individuais, como é o caso de muitas lanchonetes, padarias e cafeterias no Brasil. Assim sendo, a modalidade “Business” do aplicativo é gratuita e conta com uma série de funções interessantes para ajudar a ter mais sucesso com as vendas.

Um bom exemplo é a possibilidade de uso do telefone fixo para registro, que pode até parecer inútil, mas faz muita diferença para aqueles clientes que já têm o costume de ligar para o número do estabelecimento para fazer pedidos.

Além disso, com um perfil comercial, quem conversar com você saberá que está falando com sua empresa, e não no número pessoal do dono, por exemplo. Isso traz mais confiabilidade e profissionalismo ao negócio, mas é preciso fazer o preenchimento de todos os dados do perfil, uma vez que ele funcionará como um cartão de visitas de sua marca.

Outra diferença em relação ao aplicativo de uso pessoal é que a versão Business conta com funcionalidades diferentes. Assim, você pode definir entre as sugestões que a própria ferramenta oferece de mensagens automáticas e imediatas como resposta, tal como: “Obrigada por entrar em contato! Como podemos ajudar?”.

Por fim, a ideia é aproveitar tudo o que essa versão oferece, inclusive as métricas e dados dos seus clientes. Isso significa que o aplicativo informa os números de mensagens entregues, recebidas, lidas e enviadas. Para organizar mais seus contatos, o app tem etiquetas para você marcar os clientes, com informações do tipo: “pedido finalizado” ou “pagamento pendente”.

2. Peça autorização dos clientes para usar esse canal

É preciso ter muito cuidado ao usar o aplicativo, porque existe uma diferença grande entre querer divulgar seu negócio e invadir a privacidade de alguns clientes. Se uma pessoa não der uma autorização prévia para você enviar mensagem sobre seu negócio para ela, jamais envie.

Agir assim é como dar um tiro no próprio pé. São grandes as chances de que isso não gere retorno algum, porque o cliente pode ver como uma invasão de privacidade. Isso sem contar que a pessoa pode printar a tela, denunciar nas redes sociais ou, até mesmo, nos órgãos de defesa do consumidor, o que seria horrível para a imagem e reputação de seu estabelecimento.

Por isso, na hora de divulgar esse canal de vendas para seu público, procure saber se a pessoa autoriza o envio de mensagens, para que você não corra o risco de ter problemas.

3. Utilize listas de transmissão, e não grupos

Criar um grupo no WhatsApp com os seus clientes não é uma boa estratégia, porque um grupo assim é algo que seria somente do seu interesse. O agrupamento de pessoas no aplicativo tem o objetivo de reunir usuários interessados em discutir determinado assunto, e isso possibilita a troca entre eles.

Dessa forma, um grupo no WhatsApp não faz sentido para empresas. Você pode estar se perguntando sobre o que fazer então, quando for preciso mandar a mesma mensagem a vários clientes. Engana-se quem pensa que as mensagens devem ser encaminhadas para um de cada vez. Isso, além de dar muito trabalho, também deixa claro que o texto foi encaminhado, e não personalizado especificamente para aquela pessoa.

Portanto, uma boa dica é usar listas de transmissão, que servem, por exemplo, para anunciar promoções ou divulgar a chegada de novidades. Fazer isso não é complicado. Aliás, trata-se de algo muito simples: ou o seu celular conta com “lista de transmissão” escrito acima de todos os seus contatos ou você precisa acessar as três bolinhas no canto esquerdo superior e clicar em “nova transmissão”. Feito um desses passos, você vai criar uma nova lista, selecionando todos os contatos que quer colocar nela e pronto! É só digitar a mensagem e mandar.

Vale destacar que, ao usar a lista, a conversa com cada cliente acontece em uma janela individual. Isso significa que, diferentemente de um grupo, se alguém responder, só você receberá e conseguirá ler e responder a mensagem.

4. Crie um cronograma de mensagens

Como em qualquer empresa, ao vender seus produtos pelo WhatsApp, você terá potenciais clientes em diversos estágios e situações de relacionamento com sua marca.

Sempre haverá aqueles que sequer sabiam da existência de seu negócio até pouco tempo, já outros que receberam a indicação de conhecidos ou amigos e que também estão prontos para comprar. Por outro lado, há os clientes fiéis, que procuram manter um contato frequente com você e estão sempre fazendo pedidos.

Cada uma dessas etapas corresponde a uma fase de vendas que aquela pessoa está em relação ao seu estabelecimento. Por isso, cada uma também merece uma abordagem específica. Tudo isso quer dizer que as vezes você terá que mandar mensagens diferentes para cada tipo de cliente. Assim sendo, é muito importante respeitar as particularidades, mas, especialmente, o momento da relação de uma pessoa com seu negócio.

Para tanto, é importante se organizar. Tenha um cronograma de mensagens com informações sobre os tipos de salgados ou lanches disponíveis, ou seja, uma forma que te diz como e quando abordar o consumidor, conforme ele avança no relacionamento com seu estabelecimento. Isso aumenta muito as chances de conduzir o cliente para cada vez mais perto de fazer um pedido.

Enfim, para colher os frutos disso e perceber realmente como vender por WhatsApp, crie um número direto de seu estabelecimento e divulgue-o tanto em seu ponto de venda quanto em suas redes sociais, sempre incentivando que as pessoas adicionem o contato na agenda e iniciem uma conversa.

Se essas dicas sobre como vender mais por WhatsApp foram úteis para você, compartilhe este post agora mesmo em suas redes sociais para que seus contatos também possam ter conhecimento sobre esse recurso!

Você também pode gostar

Deixe um comentário